Dante destaca… a busca constante de novos aprendizados

Tempo de leitura: 2 minutos

Eu conheci Osmane há 25 anos, nas andanças que fazia pelas variadas construções pelas quais passei, por vezes para meu próprio uso, por outras para investimento.

Ele era professor universitário do curso de Engenharia e também trabalhava na construtora na qual comprei o primeiro apartamento para morar com a Cidinha, na rua Edson, no Brooklin.

(Memória afetiva é fogo, né? Foi tão gostoso morar nesse imóvel, eu gostava tanto das acomodações que faz pouco tempo, soube que ele estava à venda e quase o peguei de volta, mas depois de trocar ideia com a Cidinha, pensei bem, fiz uma comparação com a casa que moramos hoje e resolvi ficar quietinho onde estou.)

Tivemos várias histórias relacionadas a investimentos na construção civil, umas com finais felizes, outras com interferências das inúmeras crises que o país volta e meia atravessa, mas em todas as passagens que tivemos juntos, ele sempre teve uma postura de muita honestidade e profissionalismo, mesmo em momentos críticos.

Um dia ele me confessou que era um verdadeiro devorador de autobiografias e que comprava todas que eram lançadas.

Eu perguntei o porquê da preferência por esse gênero literário e ele me respondeu que gostava de saber das experiências boas e ruins que aconteciam com as pessoas e fazer comparações e autoavaliações com os eventos da vida dele, pois isso aprimorava o seu autoconhecimento.

Gostei da resposta que ele me deu, fiquei com esse pensamento na cabeça e, de fato, achei uma forma bem interessante para adquirir novos aprendizados, principalmente porque quem decide  compartilhar o relato das experiências pessoais e profissionais também oferece a oportunidade para que os leitores possam fazer comparativos, autoavaliações, reflexões e quem sabe, acabem se inspirando para alguma tomada de decisão importante, motivados pelos resultados narrados no livro.

Quando chegou a minha vez de compartilhar os meus aprendizados de vida, lembrei logo de incluí-lo na lista dos convidados e espero receber o seu feedback.

Osmane foi prestigiar a minha tarde de autógrafos e já começou a leitura na fila de autógrafos

2 Comentários


  1. Adoro ler seus posts, cada um trazendo sua história e experiências. Muito gostoso de ler. Parabéns!!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *